A partir das 10:00 do dia 03 de dezembro de 2018 estarão abertas as inscrições ao concurso público para o cargo de Policial Rodoviário Federal, Padrão I da Terceira Classe. São 500 vagas distribuídas por 17 estados, com salário inicial de R$ R$ 9.473,57 para uma carga horária de 40 horas semanais.

Para participar o candidato tem que ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, neste caso desde que amparado pelo Estatuto de Igualdade entre Brasileiros e Portugueses; ser maior de 18 anos; possuir Carteira Nacional de Habilitação ou permissão para conduzir veículos automotores de, no mínimo, categoria “B”, válida e sem impedimentos; e possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Os estados que têm maior número de vagas são Pará (81), Rio Grande do Sul (74) e Minas Gerais (57).  O Estado do Rio de Janeiro é o que tem o menor número de vagas, apenas 10 (dez).

Vinte por cento das vagas são reservadas para candidatos que se autodeclararem negros, condição que deverá ser comprovada, caso o candidato seja aprovado, por uma comissão de  heteroidentificação,  e cinco por cento das vagas são reservadas para pessoas com deficiência.

O candidato aprovado será lotado numa unidade vinculada ao estado que escolheu no momento da inscrição, devendo aí permanecer por um período mínimo de 3 (três) anos, podendo só então ser removido para outro estado através de concurso interno de remoção, permuta ou por interesse da administração.

As inscrições estarão abertas até às 18:00 do dia 18/12 (horário de Brasília) e somente poderão ser feitas via internet no endereço http://www.cespe.unb.br/concursos/prf_18.

O candidato tem que pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais).

O Concurso será realizado em 2 etapas, a primeira com 7 fases, a saber:
a) prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
b) prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
c) exame de capacidade física, de caráter eliminatório;
d) avaliação de saúde, de caráter eliminatório;
e) avaliação psicológica, de caráter eliminatório;
f) avaliação de títulos, de caráter classificatório;
g) investigação social, de caráter eliminatório.

A segunda etapa constará de um Curso de Formação curso de formação profissional, de caráter eliminatório e classificatório.

A prova objetiva e a prova discursiva terão a duração de 4 horas e 30 minutos, serão aplicadas na data provável de 3 de fevereiro de 2019, no turno da tarde, e terão questões relacionas a diversas disciplinas enfeixadas em blocos:

Bloco I – Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico Matemático, Informática, Noções de Física, Ética no Serivço Público, Geopolítica Brasileira

Bloco II – Legislação de Trânsito

Bloco III – Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Direitos Humanos e Cidadania.

CLIQUE AQUI para ler o edital com todas as informações sobre o Concurso.

PUBLICIDADE LOCAL

COMENTÁRIOS